Habilite o JS em seu navegador.

A produtividade da sua empresa é como você quer?

 

A produtividade da sua empresa é como você quer?

27 de fevereiro de 2020

Vamos partir das seguintes perguntas: a sua empresa tem um equilíbrio entre qualidade e quantidade? O seu produto chega ao cliente final em larga escala ou com qualidade? Conforme a resposta, o que você vai ler abaixo, pode te ajudar! Então, aproveite a leitura!

Qualidade x Quantidade

Pode parecer estranho estarmos falando da produção de uma empresa e não dizer “você tem que produzir mais”, mas a realidade é que, talvez, essa forma de desenvolvimento massivo não é a mais apropriada. Se você ofertar um produto de qualidade, o cliente vai querer mais! Isso é um processo que fideliza o seu consumidor final.

Você pode ampliar os números de produção por todos os meios possíveis, seja aumento de efetivo, robotização ou o que for. Mas, se você produzir mais do que você vende a uma qualidade mínima, o resultado disso é claro e óbvio: você vai gastar mais dinheiro do que pensa ganhar.

Se estudarmos esse quadro a um prazo médio ou longo, veremos que a rentabilidade vai ser baixa, afinal, você acha que o consumidor final quer: (a) um produto de qualidade, mesmo que ele tenha que esperar para comprar, ou (b) algo que seja muito rápido, mas tem chance de dar problema em pouco tempo?

Evidente que a opção (a)! Agora, isso significa que você tem que produzir menos? Não necessariamente. Varia da sua demanda. O que conta é você colocar na balança da qualidade e quantidade os pesos certos para atingir esse equilíbrio.

Para achar o meio-termo, você precisa analisar o que pode melhorar, ser retirado, adicionado, aplicado ou mudado dentro da produção. Por isso, usamos duas ferramentas: os KPIs e a gestão de tempo.

Key Performance Indicators (Indicadores Chave de Performance)

Os KPIs são utilizados para medir como a performance dentro da sua produção está ocorrendo. A mensuração utiliza diversos coeficientes como funcionários, maquinário, fornecedores e controle de qualidade e testes.

Por isso, esquematizar e transformar em gráficos através do estudo de desempenho de cada um dos itens citados faz com que a análise e mensuração sejam muito mais fáceis.

Gestão de tempo

A gestão de tempo é o seu controle sobre quanto tempo diário deve ser usado para determinada tarefa. Além disso, há a delimitação de prazos, que é fundamental.

A determinação de um prazo vai além da entrega, lembre de considerar a correção e avaliação. Afinal, se uma máquina, por exemplo, for testada e um defeito for detectado um dia antes da entrega, é um malefício para a empresa.

Afinal, você não quer ter que entrar em contato com o cliente e alongar a espera dele. Logo, a gestão de tempo também trata-se de possuir garantias e ter uma margem de erro tranquila.

Esperamos que você tenha gostado do conteúdo! Para ficar por dentro do mercado industrial, assine nossa newsletter e, para saber como a Scain pode te ajudar, nos siga nas redes sociais, Facebook e Instagram!

Até a próxima!